Renavam, O Que é, Como Tirar 1 Boleto, Como Parcelar

O Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores) é como se fosse um documento que registra todo o histórico do veículo, desde a sua produção até a data do seu descarte.

Esse código armazena informações importantes sobre todas as características do veiculo, emplacamento, multas, licenciamento, mudança de proprietários, entre outros. Essas informações estão sobre o poder do DENATRAN e também do DETRAN de cada estado.

Você pode encontrar o RENAVAM do seu veículo impresso no topo do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) que é emitido pelo DETRAN ou no próprio documento de Transferência de Veículo. Caso você não tenha nenhum desses documentos em mãos e quer saber qual é a procedência do veículo e também a vida do mesmo, é seu direito solicitar ao proprietário ou até mesmo ao vendedor ou concessionária esse número.

Não é necessário o documento em mãos para a consulta junto ao DETRAN, com os números e a placa do veículo que será lhe dado as chaves para certificar-se de que junto a esse patrimônio você não irá adquirir multas ou até mesmo dividas de impostos que estejam atrasados.

Com o código em mãos e a placa, você pode acessar o site do DETRAN do estado onde o veículo provem e pesquisar a vontade o que deseja saber sobre o mesmo.

Código RENAVAM

Com o código RENAVAM você pode verificar todas as informações acerca do veículo em questão, verificar se o veículo possui multas, informações sobre o licenciamento, casos em que o veículo seja furtado, emplacamento, mudança de proprietário e outros eventos por quais o veículo tenha passado.

Atualmente também é associado ao RENAVAM recalls aos quais o veículos tenha passado, atendidos ou não. Todas essas informações ficam registradas permanentemente no DENATRAM e no DETRAN.

Com o RENAVAM em mãos é possível efetuar o pagamento de todas as dividas ou pendências do veículo como:

Caso o veículo seja vendido, não é possível transferir o RENAVAM de um veículo para outro. É um número de séria próprio de cada veículo automotor, portanto existe apenas um para cada veículo e esse número é intransferível.

Esse código é composto por onze dígitos, essa alteração foi feita em abril de 2013, pois antigamente era composto apenas por nove dígitos sendo, oito dígitos e mais um digito verificados.

Atualmente composta por onze dígitos os dois primeiro identificam o estado onde é fabricado o veículo.

Também pode ser feita a solicitação da segunda via do RENAVAM, sendo necessário que seja pessoalmente no DETRAN do seu estado. Toda essa burocracia funciona para que sejam evitadas fraudes e garantir total segurança do portador do veículo.

Como feito com todos os documentos importantes, é essencial que o RENAVAM seja mantido bem guardado mantendo assim a informação numérica restrita apenas a você.

Esse código é muito útil no dia a dia, para que você não seja surpreendido por questões pendentes que ainda não tenha tomado conhecimento ou até mesmo resguarda de más negociações em compra de veículos usados ou semi novos com pessoas físicas ou garagens.

Compartilhar é se importar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para o topo